Saúde
&
 
Bem-estar

Cuidados com os cabelos no verão

Glaucia Pinheiro*

As brasileiras são, no mundo, as mulheres que mais se preocupam e cuidam dos cabelos. E pela miscigenação, elas são de todos os tipos: mulatas de cabelos lisos e ralos, loiras de cabelos encaracolados, ruivas de cabelos volumosos, negras com belas madeixas, índias com cabelos brilhantes, enfim, vários tipos.

Vivemos num país tropical, com lindas praias, temos o hábito de tomar no mínimo um banho ao dia, e, por isso, várias lavagens de cabelos exigem muitos cuidados. Pesquisas demonstraram que até  mulheres pobres do interior do nordeste usam de dois a três produtos nos cabelos e, ainda, conhecem bem a diferença entre um condicionador, um creme de pentear e um leave in;  enquanto há países em que as mulheres nem têm xampu em casa. Essa nossa característica provoca na indústria cosmética uma atenção especial.

Para todos nós, homens ou mulheres, o cabelo exerce uma influência muito importante, tanto social como psicológica, interferindo no modo como nos relacionamos com o mundo. Os pelos protegem nossa pele contra a radiação solar, reduzem o atrito nas áreas intertriginosas e orificiais, além de fazerem parte do nosso aparelho sensorial cutâneo. É interessante… Você sabia que o número de pelos, inclusive os do couro cabeludo, que uma pessoa tem já foi determinado antes mesmo do seu nascimento?

Os cabelos são produzidos pelo folículo piloso e são constituídos por uma parte  livre, chamada haste, e uma porção intradérmica, a raiz. A extremidade inferior da raiz se chama bulbo, que no caso de quedas importantes torna-se branco e se descola por falta de vascularização.

O que importa mais é saber que os cabelos são expostos diariamente a muitos tipos de agressões, por agentes como radiação UV, água de piscina, de mar, secadores, chapinhas, tintura, alisamentos, permanentes, e outros tantos procedimentos. Essas agressões atingem principalmente a camada mais externa do fio, a cutícula, gerando opacidade, pontas duplas, quebras dos fios por porosidade, eriçamento, dificuldade de pentear. As agressões danificam as escamas ou as deixam “abertas” provocando perda de umidade, de brilho e de resistência.

Os principais produtos desenvolvidos para uso nos cabelos são os xampus e os condicionadores. Os xampus, além de limpar, remover excesso de oleosidade, células epidémicas descamadas, sujidades, resíduos de outros produtos capilares utilizados e que se acumulam nos cabelos, devem dar brilho, maciez e facilitar o pentear, diminuindo a eletricidade estática. Os ativos mais comumente encontrados em xanpus são aminoácidos da seda, D-pantenol, hidrolisado de aveia, óleo de macadâmia, óleo de argan, hidrolisado de queratina, Vitamina E, dentre  outros.

Os condicionadores são usados após a lavagem e devem, além de também reduzir a eletricidade estática, facilitando o pentear e aumentando a flexibilidade dos fios, conter componentes com poder condicionante  derivados de proteínas, como as do leite, e o colágeno, que preenchem os pontos danificados dos fios, recuperando-os; e os silicones, como a dimeticona e a ciclometicona, que formam um filme ao redor dos fios, lubrificando-os e restabelecendo o brilho. Os ativos normalmente encontrados em condicionadores são  manteiga de Karité, manteiga de cupuaçu, ciclometicone e dimeticona.

Já existem produtos capilares que contêm filtro solar em sua formulação com a finalidade de proteger os cabelos contra as agressões do sol em excesso. Essas agressões modificam a estrutura dos fios através de grande degradação, perda das proteínas, da queratina e grande alteração das células da cutícula. Os estragos causados pelo sol podem ser percebidos pela modificação da coloração dos fios, que descoram, perdem a resistência mecânica e tornam-se quebradiços. Essas agressões são mais intensas em cabelos claros ou descoloridos artificialmente.

Escolha os produtos pesquisando seus ativos principais, e, é claro, consulte um dermatologista para uma avaliação dos seus cabelos, para saber quais são as necessidades deles, especialmente. Já está provado que os cabelos são a moldura do rosto! E, cá pra nós, faz a maior diferença, não é mesmo? Portanto, seja qual for o seu tipo de cabelo, aproveite, feliz e com cabelos saudáveis, as férias, o sol e as praias.

*Gláucia Pinheiro é Farmacêutica
glauciapinheiro@folhacarioca.com.br

MATÉRIAS ANTERIORES DE Saúde & Bem-estar

Publicado em – Edição 117
O cuidado de si como prática de vida
Publicado em – Edição 117
Vamos acabar com o mito
Publicado em – Edição 117
Mulheres equilibristas
VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 0.0/5 (0 votes cast)

Deixe um comentário