Saúde
&
 
Bem-estar

Beleza não tem idade

Glaucia Pinheiro*

Uma amiga  me pediu pra falar sobre o corpo na estética. Fiquei animada porque logo pensei nas diferentes modalidades utilizadas na estética corporal. Vejo algumas dessas aplicações no meu  trabalho e posso comprovar os resultados que são obtidos. E, de mais a mais, como é gostoso admirar um corpo bonito, pernas bem torneadas, peitorais trabalhados! Melhor ainda quando esse corpo é  o nosso! Tudo de bom, principalmente no verão quando todos estão à mostra e bronzeados!

Porém, depois, pensando bem, me perguntei: o que é mesmo beleza? Será apenas um corpo jovem bonito? E o que dizer da beleza do corpo e dos seios, mesmo que flácidos, mas que geraram filhos e os amamentaram tornando-os saudáveis, lindos e fortes? Me chama a atenção, não porque já tive três filhos, porque já passei dos cinquenta. Não. Isso não se parece com a estória da raposa. Me chama a atenção as mulheres com mais de 60, de 70 anos e, acreditem, com mais de 80, que frequentam espaços de estética procurando as massagens modeladoras, as correntes russas e outras modalidades, na intenção de se tornarem mais ágeis, mais saudáveis e, por que não,  ter um corpo mais bonito? Fazem as sobrancelhas, limpezas de pele, revitalização. Aprendem a usar a maquiagem para disfarçar  umas coisinhas aqui e valorizar outras alí, fazem ginástica. Elas são lindas, graciosas, combinam a bolsa com o vestido, usam esmaltes coloridos e viajam para lugares. Se fotografam, dançam, fazem festas…Que linda e feliz idade! Quero ser bonita assim quando crescer…

*Gláucia Pinheiro é Farmacêutica
glauciapinheiro@folhacarioca.com.br

MATÉRIAS ANTERIORES DE Saúde & Bem-estar

Publicado em – Edição 117
O cuidado de si como prática de vida
Publicado em – Edição 117
Vamos acabar com o mito
Publicado em – Edição 117
Mulheres equilibristas
VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 0.0/5 (0 votes cast)

Deixe um comentário