Comes
&
 
Bebes

O sabor da história

texto_ ERICSON KHALIL

Pão árabe, invenção egípcia que conquistou o paladar mundial

Símbolo de fertilidade, trabalho duro e compartilhamento, o pão tem acompanhado a humanidade há milênios. Alguns atribuem sua invenção aos egípcios, mas desde que ele é universalmente consumido (exceto na Ásia), muitos povos reivindicam sua origem.Arqueólogos norte-americanos descobriram os restos do que deve ser a padaria mais antiga do mundo, usada pelos egípcios para produzir o “pão do sol”, que ainda é feito nos dias de hoje. Encontraram-se bandejas e ferramentas usadas para fermentar a massa. Também foram descobertos armários onde se armazenavam grãos. Especialistas na história do Egito disseram que os egípcios eram bem-sucedidos produtores de levedo durante a Antiga Dinastia (2686 a 2181 a.C.), e o usavam para fazer bebidas alcoólicas e 12 tipos de pães e bolos.

O que é certo e comprovado, é que os Egípcios descobriram o processo de Fermentação e confeccionam diversos tipos de Galette ou pão achatado, feito de cevada. Em nosso entendimento isso pode explicar a propagação do pão achatado nos países orientais do mar Mediterrâneo e entre o Egito e a Grécia e a partir disso cada Sociedade desenvolveu o pão achatado dando características próprias.
No Líbano, talvez por seu clima e sua localização geográfica, uma enorme variedade do pão tradicional existe diferenciando-se na forma, no tamanho e no sabor, alguns delespersistem até hoje. Atualmente o pão libanês é muito conhecido e se expandiu pelo mundo inteiro, graças aos imigrantes libaneses que fizeram este pão se tornar parte da culinária de cada país onde vivem.
O pão árabe  tem baixo teor calórico, sendo um dos pães com menor teor de gordura total, é uma excelente fonte de carboidratos. Os carboidratos são importantes na dieta do ser humano, pois eles se transformam em energia para o organismo.

pao arabe

MATÉRIAS ANTERIORES DE Comes & Bebes

Publicado em – Edição 117
Leve, saboroso e ecológico
Publicado em – Edição 116
Mistura geral
Publicado em – Edição 115
Fim de ano de bem com a balança
VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 0.0/5 (0 votes cast)

Deixe um comentário