Artigos
&
 
Colunas

“O tinto nas alturas”

É verdade que vinhos brancos e espumantes caíram nas graças do consumidor brasileiro, mas, mesmo nas estações mais quentes, o tinto ainda é o mais consumido. E, durante o inverno, se destaca ainda mais.

TEXTO_León Harte*

vinho-tintoSe a região litorânea é a mais procurada no verão, é no inverno que a região serrana ganha destaque. E a companhia de um bom tinto é essencial…
O clima frio também costuma despertar o interesse por pratos com sabores mais condimentados e marcantes. Ai, também, o vinho tinto tem papel importantíssimo. Mesmo quando escolhemos pratos com frutos do mar, é fácil encontrar tintos que surpreendem na harmonização. O chileno Loma Larga Pinot Noir é um belo exemplo. Proveniente do Vale de Casablanca, é leve com sabor marcante. Aos que preferem cordeiro ou carnes mais ricas em gordura, sugiro um tinto da uva syrah. O Quintay Clava, produzido na mesma região, impressiona por ser encorpado e robusto, sem ser agressivo ao paladar.
Portanto, fica a dica: Neste inverno, com frutos do mar ou carnes, até mesmo sem acompanhamento algum, um bom vinho tinto é sempre a melhor companhia.
Até a próxima!

* León Harte – Sommelier Consultor
Wine Consulting Group
leon.harte@yahoo.com.br

MATÉRIAS ANTERIORES DE Colunistas Convidados

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 0.0/5 (0 votes cast)

Deixe um comentário